Publi Saúde

Aprenda sobre a prótese dentária na terceira idade Salvador, Bahia

Saiba sobre a aplicação de próteses dentárias para idosos. O autor comenta sobre os diferentes tipos de próteses e os fatores que interferem na escolha do plano de tratamento para o paciente idoso. Entenda as modificações de cada modalidade de terapia protética, higienização e manutenção das próteses.

Zeilda Alves Bomfin
(71) 3359-0417
Av Acm 846 - Ed Max Center S/119
Salvador, Bahia
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Andréa Luiza Gondim Ribeiro
(71) 3371-6006
R Gastão Pedreira 2 - Clínica Guri
Salvador, Bahia
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Gildete Santos Silva
(71) 3359-2563
Av Acm 2501 - S/509
Salvador, Bahia
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Octavio Henrique Coelho Messeder
(71) 3203-3412
Av Princesa Isabel 914 - Sala 101
Salvador, Bahia
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Maria Alice Barbedo Vigas
(71) 3357-8800
Av Dom João Vi 1291 - Hospital Evangélico da Bahia
Salvador, Bahia
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Wellington Santos Vigas
(71) 3362-9542
R Hélio Machado 22 - S/D
Salvador, Bahia
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
João Lycio C Filho
(71) 3358-1338
Av Acm 846 - S/243
Salvador, Bahia
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Paulo Barreto Torres
(71) 3521-0309
R José Baraúna 8 - Clínica Ame
Salvador, Bahia
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Augusto Manoel de C Farias
(71) 3203-5555
Salvador, Bahia
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Délia Maria Rabelo Santos
(71) 3353-2325
R Altino Serbeto de Barros 173 - S/1002
Salvador, Bahia
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Aprenda sobre a prótese dentária na terceira idade

Fornecido por: 

Considerações clínicas e preventivas diversas na gerontologia
Normal 0 21 MicrosoftInternetExplorer4 st1\:∗{behavior:url(#ieooui) } /∗ Style Definitions ∗/ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.0pt; font-family:"Times New Roman";}

Prótese dentária na Terceira Idade: considerações clínicas e preventivas   diversas.


Leonardo Marchini

Fernando Luiz Brunetti Montenegro ∗∗

Vicente de Paula Prisco da Cunha ∗∗∗

Jarbas Francisco Fernandes dos Santos ∗∗∗∗

 

∗ Prof. Dr. na UNIVAP e UNITAU, Doutor pelo ICB-USP, Coordenador do Grupo de Estudos em Odontogeriatria APCD /SJC

∗∗ Prof. Adjunto da Universidade Guarulhos, Mestre e Doutor pela FOUSP,Coordenador de Saúde Bucal da Casa Ondina Lobo e CEDPES

∗∗∗ Prof. Titular de Prótese Total - UNIVAP e UNITAU, Coordenador do Curso de Especialização em Implantologia – UNITAU

∗∗∗∗Prof Dr. de Prótese Dentária – UNITAU e UNIVAP


Introdução

             O aumento da população idosa em todo o mundo é um fenômeno demográfico bem estabelecido (ONU 21 , 1998). No Brasil, a principal característica do crescimento do grupo populacional com 65 anos ou mais é a rapidez com que o mesmo se dará de hoje até meados do século XXI. As projeções indicam que o país iniciará o novo século com a população idosa crescendo proporcionalmente quase oito vezes mais que os jovens e quase duas vezes mais que a população em geral (RAMOS et al. 27 , 1987).

              Com o aumento da vida média da população, o conceito de qualidade de vida torna-se mais importante e a saúde bucal tem um papel relevante na qualidade de vida do idoso, uma vez que o comprometimento da saúde bucal pode afetar negativamente o nível nutricional, o bem-estar físico e mental, bem como diminuir o prazer de uma vida social ativa (WERNER et al. 34 , 1998).

                Em levantamentos globais (ETTINGER 5 , 1993) e nacionais (FRARE et al. 7 , 1997 e SALIBA et al. 29 , 1999), podem ser observados altos índices de edentulismo to...

Clique aqui para ler este artigo no Publi Saúde